in

Como foi o Arnold Europa – Resultados

Mais uma edição do Circuito Arnold Classic foi realizada nesse fim de semana (26/09/15). Dessa vez o palco foi a Espanha e o show do Bodybuilding foi bem movimentado e mal iluminado.

Com Phil Heath fora da disputa, Dexter Jackson, Denis Wolf e Shawn Rhoden eram os protagonistas da luta pelo título em Madrid.5338-alexander-federov-35_final22915-zack-khan-19_final25421-alexey-lesukov-11_final

Na Sexta, Kai Greene fez um guest posing e os fãs puderam se maravilhar com suas poses e físico.

No Sábado tivemos o show Pro com prévias e finais no mesmo dia.

De um modo geral, toso os que haviam competido no Olympia uma semana antes se apresentaram um pouco pior, mas a iluminação não ajudou muito.

O show Pro teve 16 atletas, em último lugar lugar ficou Carlos Asensio.

Os onze primeiros colocados foram todos atletas que participaram do Olympia 2015.

Entre o 12º e 15º lugares tivemos nomes interessantes, mas que não causaram impacto.

Em 15º ficou o Inglês Zack Khan – após sofrer uma sérissima lesão, ao romper os quadríceps  das duas pernas, ele nunca mais conseguiu trazer um bom conjunto ao palco.

Em 14º ficou o Russo com carinha de bebê Alexey Lesukov. Ele sempre aparece gigantesco em fotos de academia, mas nunca trouxe um físico realmente competitivo desde que se tornou Pro, em 2013.

Em 13º ficou Michael Kefalianos, bem menor e menos condicionado em seus anos de glória. Na 12º colocação ficou o gigante Russo Alex Federov, também um pouco fora de condição.

Os onze primeiros colocados estiveram todos no Olympia e todos vieram um pouco mais retidos – uns vieram mais cheios, outros mais murchos.

Um fato interessante é que entre esses 11,  todas colocações se mantiveram na ordem do Olympia, ou seja, ninguém superou ninguém de um show para o outro.

Willian Bonac trouxe seu físico excelente, com quadríceps enormes para fechar  na sexta posição. Roelly Winklaar ficou com a quinta posição.
1914-arnold-classic-europe-1657_final 1914-arnold-classic-europe-1877_final
Big Rammy ficou com o quarto lugar, veio ainda mais retido do que no Olympia e seus quadríceps ainda sem cortes. Será que ele não vai aprender nunca?

Na terceira posição ficou Denis Wolf, que até chegou cheio dessa vez, mas foi embaçando e murchando ao longo do show, que prévias e finais quase seguidas, sem muito intervalo.

Em segundo lugar ficou Shawn Rhoden, também mais murcho e embaçado.

Dexter, pelo contrário, veio mais cheio e maior, seu rosto ainda parecia o de um zumbi, mas esses quilos a mais lhe custaram um pouco de definição. Ainda foi o suficiente para superar os adversários e conquistar seu terceiro título do Arnold esse ano.  Em Março ele havia vencido o Arnold Ohio e Australia.

Vejam a classificação final:


1. DEXTER JACKSON
2. SHAWN RHODEN
3. DENNIS WOLF
4. MAMDOUH ELSSBIAY
5. ROELLY WINKLAAR
6. WILLIAM BONAC
7. VICTOR MARTINEZ
8. JUAN MOREL
9. BRANDON CURRY
10. STEVE KUCLO
11. FRED SMALLS
12. ALEXANDER FEDEROV
13. MICHAEL KEFALIANOS
14. ALEXEY LESUKOV
15. ZACK KHAN
16. CARLOS ASENSIO